O TEU OLHAR

O-voo-do-beija-flor-Marinaldo-Matos-1

 

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda, advogado, mestre em ciências sociais.

 

Ao ver teus olhos toda a minha dureza desaparece,

sinto-me dominado por sua força desconcertante.

É como se o tempo parasse numa dimensão própria!

Teu olhar teu o tem brilho mais radiante do que as estrelas,

é o Sol que ilumina minhas tardes frias,

e os matizes do mel, que lhe formam, adoçam meus tempos perdidos.

 

Sinto um vazio sem sentir a presença dos teus olhos.

Perco o ritmo das horas, fico aprisionado,

é como se perdesse os sentidos, e a minha própria essência.

Torno-me um ser sem rumo,

que sofre com a distância, hipinoticamente paralisado,

congelado no mais triste inverno, pois teu olhar me aquece!

 

Por favor, não me prive do teu olhar,

ele dá vida à mais bela de todas as faces

e não possui comparativo na própria natureza.

Mesmo quando me olhas atravessado,

ou foges da intensidade do meu rosto firme,

são teus olhos que me fortalecem, e mostram que o mundo não limites para a beleza…

 

____________________________________

*Como a primeira estrofe foi lançada no artigo ” Versos de um Poeta Humilde. ” , resolvi completar os demais versos e não perder a inspiração.

 

 

 

 

 

Anúncios

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s