O REINO DAS PALAVRAS NÃO DITAS

salvador_dali_sleep

Foto: Sono, de Salvador Dali.

 

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda

 

O reino das palavras não ditas é um mundo triste.

É sufocado por um silêncio atordoante,

não existe luz, nem brilho, nem versos, nem poemas.

 

O reino das palavras não ditas é aprisionado,

algumas palavras estão unidas em correntes,

outras isoladas e doentes.

 

Em um canto, é possível perceber a raiva,

nitidamente derivada da falta de reação

das pessoas que passaram a vida submissas ao controle injusto.

 

No outro, mais sofrido, encontramos a palavra “amor”.

O amor não declarado, o amor esquecido, o amor não vivido.

Algumas letras estão rachadas, outras escondidas por entre pedras.

 

No maior espaço encontramos a palavra “não”.

Tão simples, tão pequena, às vezes sangrada, outras, agredida,

o não ocupa o maior espaço por ser o mais sonegado, por ser vítima da opressão.

 

No reino das palavras não ditas não existem grades

a prisão e o isolamento são autônomos,

são o fruto de uma sociedade que alimenta o esquecimento…

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s