CINCO CENTÍMETROS POR SEGUNDO

7b243db339e9cfa78c8c465e9a3c286e

Foto: Cena de Cinco Centímetros por Segundo, de Makoto Shinkai

 

Autor: Sandro Ari Andrade de Miranda

Cinco Centímetros por segundo (Byõsuku Go Senchitimétoru), de 2007, é o segundo filme de destaque do diretor Makoto Shinkai, é marcado pela sua densidade e por algo que está presente na maioria dos filmes do diretor: o domínio das emoções e a transição da adolescência para a maturidade. Isto já era percebido em “Kumo no Mukou, Yakusoku no Basho” (2004), mas neste filme é mais marcante, contando, ainda, com o auxílio do belíssimo single de Masayishi Yamazaki, “One More Time, One More Chance” (Mais um momento, mais uma oportunidade).

O roteiro é dividido em três atos: “Flor de Cerejeira” (Sakura Õkashõ), “Cosmonauta” (Kosumanauto) e “5 Centímetros por Segundo”. Cada um conta um momento da vida dos personagens, primeiro a infância, depois a adolescência terminando com a faculdade/início da fase adulta. Embora, inicialmente, aparente existir dois personagens centrais, Takaki Tono e Akari Shinohara, a estória é toda centrada na vida do primeiro. Ele é quem protagoniza os três atos e demonstra o impacto do tempo em todos os acontecimentos.

tumblr_oukfax9gwj1wvwhrpo1_500

Ele conhece Akari na infância e logo ambos foram um vínculo muito forte, tornando-se um romance de verdade mais adiante. Mas em virtude do trabalho dos pais, Takaki é obrigado a mudar-se de cidade constantemente, o que acaba lhe afastando de Akari. No início, com muito sofrimento e uma aventura que ele realiza pelas linhas de trem do Japão, os dois conseguem se encontrar e selar um juramento. Mas no segundo ato isto não é mais possível. Nesta fase Kanae Sumida, uma colega de classe Takaki, torna-se sua parceira do dia a dia e nutre uma paixão escondida pelo protagonista.

Se no primeiro ato temos um domínio dos silêncios, no segundo já existe mais diálogos, o que permite um destaque para a interpretação de Satomi Hanamura, que dá voz à personagem Kanae e verbaliza com mais intensidade as suas emoções. E este é um ponto importante do filme, as emoções são emitidas pelas expressões dos personagens, pelos olhares. Cinco Centímetros por Segundo é uma obra onde os silêncios falam mais do que as palavras, o que só é possível porque o trabalho de direção de Makoto Shinkai é brilhante.

8db393f921945817a5e6d419958e7efe44c23d29_hq

No terceiro ato, já é em Tóquio, local onde Takaki vai estudar, voltam os silêncios e o domínio das expressões. Ele segue em busca de Akari e os dois parecem não saber dos destinos que a vida lhes determinou. Não vou antecipar o final do filme por razões óbvias, mas um aspecto que deve ser destacado é a excelente qualidade da animação, tanto no que se refere aos ambientes (o que já é uma marca das obras de Shinkai), como das expressões dos personagens. A qualidade do designe dá um salto no poético Kotonoha no Niwa (Jardim das Palavras, na minha opinião o melhor trabalho do diretor), mesmo assim em Cinco Centímetros por Segundo o trabalho de animação possui uma beleza impressionante.

Por fim, resta um destaque para a origem do nome do filme. Ele é inspirado na velocidade estimada em que caem as pétalas das flores de cerejeira. Nada mais adequado para um trabalho que destaca o impacto do tempo na vida das pessoas.

Extra – Trailer e One More, One Chance:

 

 

 

2 comentários

    • O filme é ótimo. Originalmente cada ato foi lançado individualmente. Depois do sucesso lançaram o filme em unidade. É ótimo, também, para o estudo das transições emocionais, entre o idealismo romântico e a maturidade. A arte japonesa é muito boa no trabalho das emoções, com palavras, expressões, gestos ou simplesmente silêncios.

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s